Quanto tempo o minoxidil começa a fazer efeito?

Quanto tempo o minoxidil começa a fazer efeito? Nesse post vamos te explicar esse e outros pontos detalhadamente. Existe um grande tabu envolvendo o medicamento (isso mesmo que você leu, medicamento) para estimular e acelerar o crescimento dos pelos do corpo.

E como muitas pessoas estão divididas em relação a funcionalidade e efetividade do medicamento, nós preparamos um artigo completo com tudo que você precisa saber diante do tema.

O que é o Minoxidil?

Em primeira instância, o medicamento, era usado para tratar de pessoas que tinham pressão alta, uma vez que ele dilata os vasos sanguíneos para ampliar a quantidade de sangue que deve chegar ao coração e, por consequência, diminuindo a probabilidade de infarto.

Ou seja, sua principal função não era estimular o crescimento de pelos do corpo nem os cabelos.

Veia dilatada pelo minoxidil
Veia dilatada pelo minoxidil

Depois dos relatos de efeitos colaterais e mais estudos, o segmento farmacêutico descobriu a capacidade deste produto no mercado, e ele deixou de ser usado no campo da cardiologia e foi para um novo plano e com um novo objetivo. Certamente foram realizados muitos estudos e pesquisas e algumas alterações foram feitas em sua fórmula.

Como o medicamento funciona?

O produto estimula a circulação local e aumenta o folículo capilar, fazendo os pelos nascerem mais fortes e grossos. Ele também auxilia no crescimento de novos fios de maneira uniforme e em uma quantidade maior. Se for usado regularmente, faz com que os pelos tenham um ciclo maior de crescimento do que o habitual. E por causa da sua fórmula ter sido alterada, o seu uso é consideravelmente seguro para os consumidores.

pelo saindo do bulbo capilar depois da utilização de minoxidil
pelo saindo do bulbo capilar depois da utilização de minoxidil

Podemos observar também que o medicamento Minoxidil é uma boa alternativa para combater a calvície, evita a queda capilar e ajuda no crescimento de novos fios.

Mas é preciso deixar bem esclarecido que o produto atua somente em folículos vivos, isso quer dizer que dependendo da situação do consumidor, o resultado pode não ser o mesmo.

E para manter seus folículos vivos e saudáveis não esqueça de manter uma alimentação equilibrada e se precisar suplemente com alguma vitamina para cabelo.

Orientamos sempre procurar por um dermatologista antes de começar qualquer tipo de tratamento nesse segmento, porque ele é o profissional capaz de realizar uma avaliação clínica do seu caso.

Como é feito o tratamento com esse medicamento?

Há duas fórmulas diferentes do produto que podem ser usadas para o tratamento de cabelo: uma é mais concentrada com 5% e a outra é um pouco mais leve com 2%.

Para um resultado mais efetivo, é indicado a versão com 5% de concentração, muito utilizada por consumidores que estão começando o tratamento capilar.

A versão de 2% é usada para manter o resultado do minoxidil.

Barba Antes e depois com uso do minoxidil
Barba Antes e depois com uso do minoxidil

O produto é adicionado sobre o lugar onde deseja que seja estimulado o crescimento do cabelo e é fundamental que o lugar estar seco.

Nas versões mais conhecidas o medicamento é usado em spray ou com conta gotas.

É recomendado que o medicamento Minoxidil seja usado, no mínimo, duas vez ao dia para um resultado efetivo.

Minoxidil com prescrição médica

Em situações mais graves, algumas pessoas necessitam utilizar o medicamento em forma de comprimido.

Quando isso ocorre, o minoxidil é produzido de maneira controlada em farmácias de manipulação e necessita de prescrição médica para ser fabricado.

Por essa razão, é extremamente importante realizar um acompanhamento do tratamento com um profissional da dermatologia especializado no assunto.

Minoxidil para o público feminino

Poucas pessoas tem conhecimento, mas esse medicamento também pode ser utilizado por mulheres. Certamente ele só deve ser utilizado com o acompanhamento de um profissional qualificado, nesse caso um médico dermatologista.

No Brasil, ainda não existe comercialização de uma fórmula voltada somente para esse público, sendo preciso procurar por uma farmácia de manipulação. No entanto você pode usar um suplemento de vitaminas para cabelo e garantir que tem todos os nutrientes necessário para criar fios saudáveis.

Fios mais saudáveis e fortes com o uso de Minoxidil
Fios mais saudáveis e fortes com o uso de Minoxidil

Atente que em mulheres, o produto quando usado na versão mais forte de 5%, pode gerar o nascimento de fios indesejados no rosto.

Minoxidil para o público masculino

O uso do produto por esse público é mais comum em território brasileiro, tendo em vista que o minoxidil vendido em grande parte das farmácias são todos voltados para os homens.

Efeito Minoxidil no cabelo masculino.
Efeito Minoxidil no cabelo masculino.

É indicado o uso do produto para pessoas que simplesmente desejam ter cabelos e barba maiores, pessoas que sofrem de tricotilomania (que é um transtorno comportamental que faz com que a pessoa arranque tufos de cabelos ou pelos do corpo), eflúvio telógeno (uma condição que pode ser caracterizada pela queda capilar, especialmente na hora de pentear ou no banho), alopecia areata (uma doença inflamatória que causa a queda capilar) e a calvície.

Quem não pode usar o minoxidil?

O produto não pode ser utilizado nos seguintes casos:

  • Gestantes ou mães em período de amamentação;
  • Em bebês e crianças;
  • Couro cabeludo vermelho, infeccionado, dolorido ou irritado;
  • Se o couro cabeludo já estiver sendo tratado com outro medicamento;
  • Razão de queda de cabelo desconhecida;
  • Queda de cabelo repentina.

Pessoas que sofrem com complicações cardíacas precisam consultar um cardiologista e dermatologista antes de começar o tratamento com minoxidil, pois nesse cenário, o produto pode ser muito perigoso para o consumidor e ter efeitos graves.

Qual o momento certo de interromper o tratamento com Minoxidil?

Existem alguns casos em que é necessário interromper o uso do medicamento de forma imediata de acordo com os seguintes sintomas:

  • Irritação no lugar da aplicação do medicamento;
  • Dores no peito;
  • Tontura e desmaios;
  • Inchaço nas mãos e nos pés;
  • Crescimento de fios em outras regiões do corpo;
  • Ganho repentino de massa corporal;
  • Batimento cardíacos acelerados.

Efeitos colaterais do produto durante o tratamento

De forma geral, os efeitos colaterais que são mais comuns são: a coceira e irritação na região em que o produto é aplicado, o que acaba sendo algo muito normal de acontecer.

Mas caso esses efeitos colaterais sejam contínuos por mais de dois meses, orienta-se a interrupção do tratamento e que procure por um dermatologista para entender o que realmente está ocorrendo.

A solução mais concentrada de 5% tem álcool em sua fórmula, por essa razão, pode originar irritação nos olhos. Caso aconteça do produto cair na vista, lave imediatamente com água corrente e fresca.

Mas não é o caso de se desesperar. Estudos apontam que esses sintomas do produto se desenvolvem somente em 2% dos consumidores que utilizaram. É perfeitamente normal que os efeitos colaterais se manifestem no começo do tratamento, normalmente entre o período de 2 a 4 meses.

A utilização de minoxidil de maneira oral, por meio do comprimido, ou em dosagens maiores, pode ocasionar:

  • Dores de cabeça;
  • Vertigem;
  • Suor nas mãos e nos pés;
  • Sensação de aperto no coração;
  • Fraqueza.

Como quanto tempo de uso o minoxidil começa a fazer efeito?

Agora que você conhece a capacidade efetiva do medicamento, já pode imaginar em quanto tempo os resultados podem ser observados.

E se na sua opinião é: “no período necessário para o nascimento dos fios ser notado”, você acertou!

Como ele atua no engrossamento da estrutura capilar, que se produzem no folículo, sua atuação pode ser percebida quando estes já tiverem um comprimento que possa ser notado a olho nu.

Isso quer dizer, em aproximadamente dois a quatro meses, de acordo com o ritmo de nascimento dos fios de cada pessoa.

Um ponto importante é que o minoxidil é um facilitador, ou seja, ele facilita com que o fio saudável saia do folículo. No entanto para que isso ocorra da melhor forma possível é importante garantir que seu organismo tenha os nutrientes necessários para construção dos fios.

Como evitar efeitos colaterais

Para que não tenha resultados indesejados, como nascimento de fios em outras regiões do rosto, é preciso que alguns cuidados sejam precavidos. Como foi citado acima, em algumas partes do texto, é muito importante que o minoxidil seja aplicado somente no lugar onde que deseja o crescimento dos novos pelos.

Após usar o medicamento e espalhar no lugar desejado, faça a lavagem das mãos com água e sabão. Com relação a doses noturnas, procure esperar por duas a quatro horas para que a pele possa absorver o produto de forma correta.

Perguntas frequentes

Minoxidil faz cair o cabelo?

Sim. No início do tratamento o produto faz cair os fios que são mais fracos para que possam nascer fios mais resistentes e maiores. Este é um efeito temporário e tem duração de no máximo um mês.

Minoxidil causa impotência?

Não. Por mais que seja um produto com hormônios, o medicamento minoxidil não ocasiona impotência sexual, diferente de alguns relatos com outras substâncias como Finasterida.

Minoxidil pode ser usada nos cílios e sobrancelhas?

Sim. Já existem versões específicas para utilização em sobrancelhas.

Minoxidil faz mal?

As versões de conta gotas e spray não fazem mal para a saúde. Mas no caso do medicamento em forma de comprimidos, é preciso do acompanhamento médico.

Quanto tempo o minoxidil começa a fazer efeito?

No primeiro ciclo do eflúvio telógeno, dependendo de cada pessoa isso pode variar de 2 a 4 meses.

Deixe uma resposta

Abrir Chat
1
Precisa de Ajuda?
Se precisar pode me chamar, meu nome é tatiana e estou disponível para te explicar como nosso produto pode te ajudar com queda e crescimento capilar 😀👍