20 tipos de coques que vão te ajudar a fazer o maior sucesso

Coque – 20 inspirações para seu Coque perfeito

Nos dias mais quentes do verão sair de casa embaixo do sol pode ser um verdadeiro pesadelo para quem tem um cabelão. Nessas horas, prender o cabelo num coque acaba sendo a alternativa de muitas mulheres, por ser um penteado simples, rápido de fazer e elegante.

Mas o coque não deve ser subestimado! Existem diversas variações dele, que são perfeitas seja qual for o ambiente em que você esteja. Seja em um casamento, uma reunião de trabalho, balada, jantar especial ou na sala de aula existe sempre uma opção perfeita de coque para você.

Pensando nisso compilamos aqui vinte diferentes coques para você aprender e se divertir por aí, sempre com um penteado diferente e estiloso.

Coque rosquinha ou coque simples

O primeiro passo é pentear bem o cabelo para garantir que está livre de nós. Depois disso você vai levar ele para cima como se fosse realmente fazer um rabo de cavalo e, caso seu cabelo seja muito volumoso, pode mesmo fazer isso.

Roupas e Acessórios femininos

Em seguida segure a ponta do rabo de cavalo e torça toda a extensão dele. Feito isso basta enrolar a mecha única em torno da base do rabo.

Ao final, prenda com um elástico ou grampo e pronto! Está feito um coque perfeito para o dia a dia.

Coque com meia

Esse coque é perfeito para um evento um pouco mais formal e fica com um efeito bem volumoso e muito bonito. Para o fazer você vai precisar de uma meia cortada, ou então pode comprar um donut feito especialmente para isso.

Para começar faça um rabo de cavalo na altura que você preferir. Depois disso passe o cabelo por dentro da meia e vá cobrindo o tecido com ele, enchendo a meia com os fios e ao mesmo tempo a cobrindo até que não consiga mais vê-la.

Uma dica é usar uma meia velha (e limpa) que tenha uma cor próxima a dos seus fios. Caso não tenha uma não tem problema, mas tente sempre deixar o tecido bem coberto.

Coques maravilhosos que vão dar um UP no seu visual
Coque com meia: aprenda o passo a passo

Caso perceba que a meia sozinha não vai conseguir manter o coque no lugar o amarre com um elástico ou grampos.

Quando a cabelo estiver no formato correto ajuste da forma que preferir e finalize com um spray fixador para que o penteado dure mais tempo.

Coque bagunçado

Use um pente para desembaraçar seu cabelo, se desfazendo de todos os nós que podem ter na extensão dele. Depois disso use os dedos para juntar todos os fios e puxá-los para trás. Se preferir pode deixar alguns fios soltos na frente para dar um toque mais despojado.

Tendo o puxado até a altura que vai querer deixar o coque pegue um elástico e os prenda como se fosse fazer um rabo de cavalo. Pode dar umas três voltas nele, mas na última, ao invés de passar todo o cabelo, passe apenas ⅓ dele.

Isso vai fazer com que você fique com a parte de cima formando um loop e um rabo pequeno pendurado embaixo.

Feito isso você vai usar o rabinho que ficou embaixo para dar a volta no elástico e prender as pontas com grampos. Use os grampos também para prender o loop que está em cima próximo a cabeça, para impedir que ele fique no formato anelado.

Você pode puxar alguns fios do coque para soltá-las um pouco e dar um ar ainda mais bagunçado. Por fim, passe o spray fixador para garantir que a bagunça organizada vai ficar no lugar durante o dia.

Coque sininho

Esse tipo de coque, como o nome já dá a dica, é inspirado na personagem Sininho do filme Peter Pan. E, como o dela já mostra, ele é bem amarrado e firme.

Coque tipo sininho

Tendo desembaraçado bem os fios você vai usar o pente para te ajudar a puxar o cabelo em um rabo de cavalo bem alto.

Prenda com um elástico e garanta que ele está bem preso e lisinho. Depois disso você pode usar novamente a meia ou donut do coque lá de cima para dar o formato circular do coque da Sininho. Feito isso é só prender bem e sair de casa sabendo que está elegante e muito bonita.

Coque lateral

Para quem quer algo elegante e ao mesmo tempo romântico o coque lateral é uma boa pedida. Ele funciona bem tanto em cabelos lisos quanto em cabelos cacheados e ondulados e foge dos estilos mais tradicionais e centralizados.

Para o fazer você vai puxar seu cabelo inteiro para uma das laterais da cabeça, deixando uma linha bem marcada do lado oposto em que o fizer.

Depois disso prenda ele próximo ao ombro e com essa mecha única que fez passe o cabelo em movimentos circulares em torno da base.

Por fim, é só usar alguns grampos para prender as pontas e está pronto.

Coque alto

Penteie seu cabelo o puxando em um rabo de cavalo no topo da cabeça, se atentando para puxar todos os fios no movimento.

Quando ele estiver completamente no alto torça o cabelo algumas vezes, sempre na mesma direção, e comece a enrolar em torno da base.

Coque é uma opção simples e elegante para o seu visual
Saiba fazer o coque alto

Depois que um coque em espiral tiver sido formado prenda a ponta na parte de baixo dele e caso queira puxe alguns fiozinhos para dar uma sensação mais bagunçada ao penteado.

Coque samurai feminino

Assim como no coque alto você vai puxar todo o cabelo para o topo da cabeça. Mas, ao contrário do anterior, não precisa tomar tanto cuidado com a aparência ‘certinha’ do rabo que está formando.

Depois que tiver puxado tudo para a posição correta comece a passar o elástico como se fosse o prender num rabo de cavalo. Mas, na última volta, ao invés de passar todo o cabelo, passe apenas cerca de ⅓, deixando um rabinho pequeno pendurado embaixo e uma forma de loop em cima.

Coque meio solto

Depois de pentear, ao invés de puxar todo o cabelo para alguma parte da cabeça, você vai pegar apenas uma parte dos fios de cada lateral e os puxar para cima. Tendo feito isso arrume a mecha com os dedos e o torça várias vezes na mesma direção.

Enrole a parte que torceu em torno da base que criou e o prenda com um elástico ou grampo e estará pronta! Um penteado despojado para usar no dia a dia, com um coque em cima e o restante do cabelo solto embaixo.

Coque bailarina

O coque bailarina exige que seus cabelos estejam bem controlados e puxados para trás. Por isso, caso o número de fios rebeldes e com frizz seja alto, borrife um pouco de água na região e use o pente para puxar tudo para o lugar certo.

Tradicionalmente esse tipo de coque é feito bem próximo ao topo da cabeça, mas você pode mudar a posição caso queira. Faça um rabo de cavalo firme, torça o cabelo e o use para enrolar a base. Prenda as pontas com grampos no final.

Coque baixo

Puxe todo o seu cabelo para trás deixando a altura mais no meio da nuca ou mais para baixo dela e prenda com um elástico. Torça o cabelo algumas vezes e então o use para enrolar em torno da base, prendendo a ponta com um grampo na parte de baixo do coque no final.

Aprenda a fazer os mais lidos tipos de coques com essas super dicas
Aprenda a fazer os mais lidos tipos de coques com essas super dicas

Caso queira dar um aspecto mais bagunçado e despojado pode puxar alguns fios para que eles fiquem um pouco soltos em volta da espiral formada.

Coque Space Buns ou coque duplo

O primeiro passo para esse coque é dividir o cabelo ao meio. Para fazer isso você pode ter como ajudar o cabo de um daqueles pentes bem finos, tomando cuidado para que a linha fique bem centralizada.

Cabelo bem dividido é hora de fazer duas marias chiquinhas, uma de cada lado. Esse é um tipo de coque que te permite apostar em diversos visuais e estilos.

Você pode prender as marias chiquinhas bem alto, bem baixo, no meio ou uma em cada altura, deixando parte do cabelo solto ou prendendo tudo. Vai da sua vontade e de qual ocasião está se preparando para ir.

Mas seja como for que como você as prendeu o passo seguinte é torcer cada uma delas as girando várias vezes para uma mesma direção. Feito isso use essa mecha torcida para enrolar em torno da base da maria chiquinha e prenda com um elástico ou grampo no final.

Coque romântico com trança

Depois de pentear bem o cabelo você vai separar duas mechas médias, cada uma em cada lateral da cabeça. Com essas mechas você vai fazer suas tranças iguais e um pouco mais largas nas pontas.

Com as tranças feitas prenda o restante do cabelo em um rabo de cavalo baixo e a prenda com um elástico. Use um pente para te ajudar a desfiar a extensão do rabo de cavalo e vá fazendo isso até dar um aspecto volumoso para ele.

Quando terminar pegue as duas tranças que tinha feito antes e segure tudo com uma mão, começando a torcer tudo junto para um mesmo lado. Depois de torcido enrole na base do rabo de cavalo e prenda bem com o uso de grampos.

Coque com lenço

Alto, baixo, rosquinha ou lateral. A base desse coque pode ser qualquer um, mas o que vai dar a ele todo o charme é o acessório que você vai usar.

Use um lenço mais longo para enrolar em volta da base do coque, ou então um mais curto e apenas amarrado em torno dele deixando duas pontas para cima.

Pode também fazer um laço com ele ou o deixar cair pelo seu pescoço ou nuca dando todo um charme. Explore esse acessório da forma como achar mais bonito!

Coque trançado

Escolha a altura em que você vai querer o seu coque e prenda o seu cabelo em um rabo de cavalo com um elástico. O reparta em três mechas de quantidades iguais de cabelo e faça uma trança até o final da extensão dele.

Depois de amarrar a ponta comece a contornar a base com o elástico usando a trança e prenda o final dela com um grampo na parte de baixo e pronto! Está pronto seu coque trançado.

Coque com trança invertida

Com ajuda de um pente divida o seu cabelo na horizontal da orelha até a outra orelha. Incline a cabeça para frente e prenda a parte do topo com um elástico para facilitar que consiga fazer o restante do penteado.

Separado a parte de cima do cabelo você vai usar a de baixo para fazer uma trança simples. Trance o cabelo até a altura em que dividiu antes e amarre.

Solte então o cabelo que havia separado e o junte com o que sobrou do que usou para fazer a trança, prendendo tudo junto. Depois disso torça o cabelo várias vezes na mesma direção e enrole em volta do elástico.

Olha essse coque com traça que lindo

Prenda com um grampo e pronto! Liso em cima e uma bela trança embaixo.

Coque abacaxi

O coque abacaxi é um dos favoritos de quem tem o cabelo crespo ou cacheado, em especial por ser possível fazê-lo sem amassar ou desmanchar os cachos e ser extremamente simples.

Depois de penteados e desembaraçados basta apenas puxar todo o cabelo para cima, o ajeitando com os dedos. Para manter os cachos intactos você pode prender dois grampos em um elástico.

O primeiro deles você vai prende na parte de cima da cabeça, usando então o elástico para dar a volta no cabelo que está segurando. Prenda então o segundo grampo na parte lateral e garanta que o cabelo está bem preso.

Arrume os fios da forma que achar melhor e considere-se pronta para arrasar ao sair de casa.

Coque despojado

A ideia do coque despojado é ser um caos organizado. Para isso você pode seguir os passos básicos da maioria dos outros tipos de coque, com a diferença de que fará isso sem se preocupar tanto com a simetria na hora de os fazer.

Use os dedos para arrumar os cabelos na hora de prendê-los, não o torcendo muito antes de os enrolar na base e deixando alguns fios e pequenas mechas meio soltas em torno.

Coque afro puff

O coque afro puff é para quem tem cabelos crespos e quer apostar em mais de um visual. Bem simples de fazer, basta apenas prender seu cabelo na altura que desejar, podendo fazer isso apenas uma ou então duas vezes se quiser.

Quanto mais crespo for o seu cabelo melhor vai ser o resultado. Esse penteado funciona para qualquer comprimento também, mas o aspecto mais volumoso acaba sobressaindo mais para quem tem cabelo médio ou longo.

Coque com topete

Esse é outro tipo de coque que também pode ter várias variações dependendo de como você quer que ele fique. No entanto, as bases e a ideia do penteado é a mesma.

Se você quer ele mais certinho e alinhado pode seguir os passos básicos do coque: prender, torcer e contornar na base. E ao final usar o cabo fino de um pente para puxar a parte de cima do cabelo para a frente devagar e tomando cuidado para não o soltar do coque.

Você pode também separar essa mecha de cima antes de fazer o coque e desfiar ela com ajuda de um pente, fazendo repetidos movimentos na direção contrária a qual ela nasce. Isso vai fazer com que o cabelo fique bem volumoso.

Feito isso você contorna a base do coque já feito e prende a ponta da mecha por baixo. Por fim, passe o spray fixador para ajudar a manter o cabelo no lugar pelas próximas horas.

Coque banana

Para começar o coque banana você vai puxar todo o cabelo para a lateral da cabeça, mas sem prendê-lo. Com ajuda de alguns grampos comece a prender o cabelo da nuca até a metade da cabeça mais ou menos, deixando ela bem rente a base.

Vá fazendo isso colocando um grampo em cima do outro formando o formato de X.

Feito isso traga o cabelo para a lateral oposta até que fique em cima dos grampos, os tampando completamente.

Enquanto mantém a base do cabelo bem segura com uma mão você vai torcer o rabo de cavalo algumas vezes e puxar ele para cima, escondendo o rabo torcido por dentro do cabelo.

As pontas que sobrarem você puxa para baixo, escondendo também por dentro, e prende com um grampo.

Finalize ajeitando o coque para ganhar um pouco mais de volume e jogue spray fixador por cima e pronto!