10 Formas comprovadas de eliminar a caspa

A caspa é uma condição que se manifesta através de pequenos flocos de pele que se desprendem da região do couro cabeludo, espalhando-se pelo comprimento dos fios, ombros e roupas. Isso acontece devido ao ressecamento da epiderme do couro cabeludo, o que muitas vezes é motivado por algum tipo de irritação. 

A caspa não é transmissível. Ainda assim, pode acabar se agravando, caso se torne algo frequente. Como a descamação do couro cabeludo é visível a olho nu, essa condição muitas vezes acaba gerando situações de autoestima baixa e constrangimento. 

A ciência ainda não descobriu um tratamento 100% eficaz para eliminar a caspa, mas há algumas maneiras de controlá-la ou preveni-la. 

A seguir, você pode conferir 10 formas comprovadas para conter a caspa. Você com certeza vai obter mais sucesso se combinar todos esses métodos, mas experimentá-los individualmente também pode te trazer benefícios. Vamos lá! 

1 – Lave o cabelo da maneira adequada 

Vamos começar pelo básico, que é a higienização do cabelo. Lavá-lo de maneira adequada parece algo banal e óbvio, mas acredite: na intenção de aprimorar a lavagem, muitas pessoas acabam comprometendo a saúde dos fios sem nem mesmo se dar conta disso. 

Crie uma rotina capilar, isso vai te ajudar a entender melhor as necessidades do seu cabelo, e qual a melhor frequência para que ele seja lavado. 

Ao lavar a cabeleira, certifique-se de retirar completamente os produtos que foram aplicados, seja xampu, condicionador, ou cremes hidratantes. É importante tomar esse cuidado de não deixar nenhum resquício nos fios, pois a química dos produtos pode contribuir com a oleosidade do couro cabeludo e, consequentemente, com a formação da caspa. 

2 – Invista em produtos específicos para seu tipo de cabelo 

Para garantir o melhor tratamento para os seus fios, leve em consideração o seu tipo de cabelo. 

Cabelos lisos tendem a conter mais oleosidade, e por isso podem precisar de lavagens diárias. Quem tem cabelo cacheado ou crespo pode perceber que os fios são mais secos, não sendo necessário que sejam lavados todos os dias. 

A aparência do fio não influencia em nada na produção das glândulas sebáceas. No entanto, a textura dos fios está diretamente ligada ao tipo de cabelo, por isso é completamente normal que alguns sejam mais secos ou oleosos que outros. 

Conhecer seu próprio cabelo e suas necessidades específicas é fundamental para garantir a saúde e beleza dos fios, já que em alguns casos a lavagem diária pode até mesmo aumentar a caspa. 

3 – Use um xampu anticaspa

Quando o assunto é caspa, xampus anticaspa são geralmente a primeira solução a que muitas pessoas recorrem. Hoje em dia é possível encontrar uma enorme variedade de xampus desse tipo, com preços acessíveis e atendendo às mais diversas necessidades. 

Use o tipo de xampu adequado para seu cabelo

Em muitos casos, o xampu anticaspa é uma medida eficaz, que ajuda a controlar a caspa e diminuir os seus sintomas. 

Há geralmente dois tipos de xampus anticaspa. 

O primeiro tipo é elaborado com substâncias adstringentes, capazes de promover uma limpeza e remover o excesso de óleo na região do couro cabeludo. 

O segundo tipo de xampus anticaspas são os antifúngicos, que geralmente são feitos à base de zinco. Sendo assim, ajudam a combater os fungos do tipo Malassezia, que se alimentam de gordura e encontram no couro cabeludo oleoso o ambiente ideal para se proliferarem

Há, ainda, alguns produtos desenvolvidos com substâncias antimicóticas (como o cetoconazol, por exemplo). Esse tipo de produto é geralmente indicado para casos mais graves, como quem tem dermatite seborréica. 

4 – Fuja de tratamentos químicos pesados para não ter caspa

Quando se fala em cabelos, tratamentos químicos são um dos primeiros assuntos que nos vêm à mente. E muitos deles são extremamente danosos para a saúde do couro cabeludo, especialmente aqueles feitos para alisar os fios, como as escovas progressivas

Apesar do resultado imediato da escova progressiva ser bonito e satisfatório, as substâncias utilizadas destroem os fios e a raíz dos cabelos depois de um tempo. 

A quantidade de aldeído que compõe a química utilizada nas escovas progressivas pode causar irritação, coceira, ardência, queimaduras, inchaço e descamação do couro cabeludo. 

Sendo assim, se você quer se ver livre da caspa, fuja da escova progressiva e demais tratamentos químicos que tenham efeitos abrasivos para o couro cabeludo. 

5 – Evite usar bonés e chapéus por muito tempo

Calma lá, é claro que o uso de chapéus e bonés não deve ser banido de vez da sua vida. Mas é preciso entender que cobrir a cabeça por muitas horas seguidas pode causar alguns efeitos negativos para os cabelos, entre eles a queda dos fios e a formação da caspa. 

Bonés, gorros e toucas podem prejudicar a saúde dos fios

É indicado evitar o uso de chapéus ou qualquer outro adereço que cause abafamento no couro cabeludo principalmente quando os fios estão úmidos. Se for usar algum desses acessórios, opte por fazê-lo apenas se o seu cabelo estiver totalmente seco. 

O mesmo vale para quem gosta de amarrar os cabelos. Manter os fios amarrados enquanto estão úmidos pode criar um ambiente favorável para a criação de fungos, o que contribui com a formação da caspa e demais doenças do couro cabeludo.

6 – Deixe o secador um pouco de lado

Muita gente virou adepta do uso diário do secador de cabelo, principalmente quem tem cabelos longos. Mas será que isso faz bem?! 

É preciso tomar muito cuidado com o uso constante e com as altas temperaturas do secador, pois podem levar ao aumento da concentração de óleo no couro cabeludo.

Lembre-se sempre: altas temperaturas são grandes inimigas da saúde, não só do cabelo como também da pele. Está aí a receita ideal para a formação de caspas. 

Por isso, procure utilizar o secador só quando for realmente necessário e em baixas temperaturas, tomando o cuidado de mantê-lo distante do couro cabeludo. Assim os danos que ele causa serão minimizados. 

7 – Na raíz, só xampu

Vale lembrar que a raíz do cabelo é super sensível, por isso apenas xampu deve ser aplicado nessa região. Nenhum outro produto deve ter contato direto com o couro cabeludo. 

Caspa, saiba como evitar!
Lave o couro cabeludo apenas com xampu

O acúmulo de cremes e demais produtos com a raiz dos fios pode levar ao aparecimento da caspa, uma vez que contribuem fortemente com o aumento da oleosidade no local.  

Ao utilizar qualquer outro tipo de produto para cabelos, aplique somente no comprimento e nas pontas, evitando ao máximo o seu contato com o couro cabeludo. 

8 – Invista na fototerapia contra a caspa

Ainda que a ciência não tenha encontrado uma cura totalmente eficaz para a caspa, há diversos tratamentos sendo estudados e desenvolvidos para controlar os seus sintomas. Esse é o caso da fototerapia, por exemplo. 

A actinoterapia é um tratamento à base de luz solar com ação dermoabrasiva, que ajuda a diminuir a oleosidade excessiva dos fios por meio de um peeling, que limpa e esfolia, removendo células mortas e o excesso de gordura no couro cabeludo. 

9 – Se acostume a tomar banhos mornos ou frios 

Como agora já sabemos, as altas temperaturas são grandes inimigas da saúde dos cabelos, pois retiram a hidratação natural dos fios. 

Caspa, saiba como evitar!
Tome banho em água fria ou morna

Por isso, procure criar o hábito de tomar banhos com temperaturas mais amenas. A água fria faz muito bem para a saúde como um todo, trazendo diversos benefícios. Além disso, é ideal para prevenir a caspa e a queda de cabelo. 

10 – Cuide da sua saúde e evite a caspa

Por fim, adquirir hábitos de vida saudáveis em seu dia a dia é sem dúvidas a melhor forma de manter todo o organismo funcionando bem, o que interfere diretamente na saúde de todo o corpo, inclusive do couro cabeludo e dos cabelos. 

A caspa pode ser simplesmente um reflexo da sua saúde e do seu emocional. Estresse e ansiedade podem causar um desequilíbrio hormonal em todo o organismo, o que pode levar ao aumento da oleosidade na pele. 

Tente controlar o estresse físico e mental e a ansiedade no seu cotidiano. Faça exercícios físicos com frequência, alimente-se bem e evite comidas gordurosas e bebidas alcoólicas. 

Você vai ver como adquirir simples hábitos como esses vai transformar completamente toda a sua saúde e o seu bem estar.

Deixe uma resposta

Abrir Chat
1
Precisa de Ajuda?
Se precisar pode me chamar, meu nome é tatiana e estou disponível para te explicar como nosso produto pode te ajudar com queda e crescimento capilar 😀👍