Quando a queda de cabelo é normal?

quando a queda de cabelo é normal

Embora muitas pessoas fiquem preocupada com a queda de cabelo, essa é uma condição normal que acontece devido ao ciclo de vida do fio. O que ocorre em alguns casos é que algumas condições de saúde podem acabar interferindo nesse ciclo e deixando as pessoas em dúvida de quando a queda de cabelo é normal.

Além de condições de saúde, alguns procedimentos químicos como alisamento e tinturas também contribuem para fios mais quebradiços e enfraquecidos, resultando em uma perda capilar a mais do que o normal.

Confira a seguir quando a queda de cabelo é normal e o que fazer em casos de queda excessiva.

Quando a queda de cabelo é normal?

Um adulto perde, em média, 100 fios de cabelo por dia sendo considerada uma perda natural. Afinal, no couro cabeludo existem cabelos em diferentes estágios e é necessários que os fios mais velhos caiam para que novos possam começar a nascer.

durante o outono é comum que haja um pequeno aumento da queda capilar em decorrência do frio
durante o outono é comum que haja um pequeno aumento da queda capilar em decorrência do frio

Em algumas épocas do ano a perda pode aumentar para 150 a 200 fios por dia, sendo ainda completamente normal. Esse aumento da perda capilar tende a acontecer no final do verão e início do outono, já que quando o tempo fica mais frio, recebemos menos sangue na região do couro cabeludo, o que impacta diretamente na queda de cabelo.

Quando é necessário se preocupar?

Enquanto o pente cheio de cabelo tornou-se algo preocupante para a maioria das pessoas, o que deve ser um sinal de alerta, na verdade, são falhas no couro cabeludo ou muitos fios de cabelo no colchão e chão da casa.

Isso porque, como o cabelo da mulher geralmente é maior do que os cabelos masculinos, 100 fios de cabelos longos fazem um volume maior do que 100 fios de cabelos menores.

Dessa forma, um homem com cabelo rente ao couro cabeludo dificilmente verá os 100 fios perdidos durante o dia, enquanto cabelos mais longos ficam presos no ralo do chuveiro e no pente.

Um sinal de alerta é comparar uma foto do ano anterior com os seus cabelos agora. Ao notar um volume menor dos cabelos, pode ser um indicativo do problema. Além disso, se você recentemente tem notado uma queda anormal ou se desconfia de que esteja perdendo mais cabelo do que deveria, também pode ser hora de procurar um tricologista para investigar qual pode ser o problema.

Quais são as causas da queda de cabelo?

A queda de cabelo pode ser causada por diversos fatores, indo desde um período de stress até doenças mais sérias como o lúpus. Sabendo disso, é importante estar atento a sintomas que possam acompanhar a perda dos fios.

Leia também Queda de cabelo – Atente a esses 10 sintomas

Dentre as causas mais comum estão:

Efluvio telógeno agudo

Essa situação ocorre entre dois ou três meses após uma situação de stress intenso, que pode ser causado por um trauma como um acidente, por exemplo. Nesses casos, acontece uma queda de cabelo por todo o couro cabeludo, e o paciente pode notar um aumento de fios no pente, ralo do chuveiro, travesseiro e até pelo chão da casa.

ao notar um aumento de fios de cabelo pelo chão, no pente e no ralo do banheiro, o recomendado é procurar ajuda médica
ao notar um aumento de fios de cabelo pelo chão, no pente e no ralo do banheiro, o recomendado é procurar ajuda médica

Esse quadro também pode ser desencadeado por mudanças bruscas nos níveis hormonais, e acontece principalmente durante o pós-parto.

Efeitos colaterais de medicamentos

Alguns medicamentos podem conter lítio, varfarina, betabloqueadores, anfetaminas, heparina e levodopa, substâncias que causam um aumento na queda de cabelo. Os medicamentos usados para tratamentos contra o câncer como na quimioterapia também entram na lista de causas da queda capilar.

Calvície hereditária

Com uma incidência maior nos homens, a calvície hereditária pode acontecer em qualquer momento da vida, mesmo durante a adolescência. Normalmente, a causa principal é a interação dos três fatores:

  • aumento da idade;
  • tendência hereditária para a calvície;
  • hormônios masculinos.

Embora seja mais comum entre o sexo masculino, as mulheres também podem desenvolver certo grau de calvície durante a vida.

Sintoma de alguma doença

Doenças como ovário policístico, anemia, disfunções da tireoide e lúpus podem se manifestar com o aumento da queda dos fios.

o ganho de peso repentino pode ser um sintoma de disfunções da tireoide, condição que causa a queda capilar
o ganho de peso repentino pode ser um sintoma de disfunções da tireoide, condição que causa a queda capilar

Caso você note um aumento da perda de cabelo em conjunto com outros sintomas como fadiga, sono excessivo, manchas pelo corpo, ganho de peso repentino e irregularidade no ciclo menstrual, o ideal é procurar ajuda médica para investigar o quadro.

Sintoma de deficiência nutricional

A deficiência de vitaminas importantes para a saúde dos cabelos como vitamina A, B, C, E, biotina, ferro, potássio e zinco, pode acabar resultando em uma queda de cabelo excessiva. Essa deficiência pode ser causada tanto por uma pouca ingestão dos nutrientes como pela anemia, que acaba comprometendo a absorção de vitaminas pelo organismo.

Além disso, também pode ser desencadeada pela doença de Crohn, que consiste em uma inflamação intestinal que também afeta a absorção dos nutrientes.

Alopecia areata

A alopecia areata é uma doença autoimune que tem como sintoma a queda de cabelo em uma ou mais áreas do couro cabeludo. Embora a causa dessa condição seja desconhecida, é mais comum em pessoas que sofrem com alguma doença auto imune.

a alopecia areata é uma condição em que o indivíduo perde os fios de uma determinada parte da cabeça ou de todo o couro cabeludo
a alopecia areata é uma condição em que o indivíduo perde os fios de uma determinada parte da cabeça ou de todo o couro cabeludo

Enquanto isso, quando a condição acaba causando a perda total dos cabelos, damos o nome de alopecia total.

Infecção por fungos

Quando certos tipos de fungos infectam o couro cabeludo, fazem com que a raiz dos cabelos quebrem e o couro comece a se desprender em escamas. O que acaba contribuindo para um aumento da queda de cabelo.

Alopecia traumática

Essa condição está associada com técnicas agressivas feitas por cabeleireiros quando o couro cabeludo é submetido a calor extremo, puxões e até produtos químicos fortes. Normalmente, acontece em mulheres que fazem processos para alisar os fios, usam muita chapinha e secadores ou que tingem os cabelos com muita frequência.

Depois de ver quando a queda de cabelo é normal e quando procurar ajuda, ficou fácil identificar quando a perda dos fios pode ser causada por uma doença ou condição. Para auxiliar no tratamento, você pode optar por usar cosméticos ricos em vitaminas que fazem bem para a saúde capilar e incluir alimentos mais nutritivos em sua dieta.

Deixe uma resposta

Abrir Chat
1
Precisa de Ajuda?
Se precisar pode me chamar, meu nome é tatiana e estou disponível para te explicar como nosso produto pode te ajudar com queda e crescimento capilar 😀👍