O que é hidratação profunda nos cabelos?

o uso excessivo de produtos capilares pode fragilizar os cabelos e causar acúmulo, dando uma aparência de fios pesados

A hidratação dos fios é uma etapa fundamental para os cuidados não somente com os fios, mas também com o couro cabeludo. No entanto, usar apenas condicionadores após a lavagem e máscaras de hidratação uma vez na semana não é o suficiente. Para manter a saúde capilar em dia, é importante fazer uma hidratação profunda nos cabelos.

Antes de escolher os produtos ideais para uma hidratação completa nas fibras capilares, você precisa saber qual é a necessidade do seu cabelo precisa. Afinal, uma hidratação para cabelos secos é diferente de uma hidratação para cabelos oleosos, ou cabelos com químicas.

Para que você entenda como hidratar seus cabelos da forma correta, fizemos um passo a passo que vai lhe auxiliar na hora dos seus cuidados capilares. Veja a seguir!

O que é hidratação profunda nos cabelos?

A hidratação profunda nada mais é do que hidratar seus cabelos com produtos próprios para o seu tipo capilar, desde shampoos até as máscaras, e aplicar uma fonte de hidratação mais potente como ampolas, por exemplo. 

Apesar de poder ser feita em salões de beleza, a hidratação profunda pode ser realizada em casa.

a hidratação profunda nos cabelos pode ser feita em casa ou em salões de beleza
a hidratação profunda nos cabelos pode ser feita em casa ou em salões de beleza

Apesar de todos os tipos de cabelos precisarem de uma hidratação constante, a hidratação profunda deve ser feita a cada 15 dias ou 1 vez por mês para evitar o aumento da oleosidade nos cabelos, causada pelo resíduo de produtos que acabam ficando no couro cabeludo.

Além do mais, a hidratação profunda deve ser feita com mais frequência em cabelos quebradiços e com químicas, já que esses são naturalmente mais fragilizados.

Como fazer uma hidratação profunda nos cabelos?

1- Faça um diagnóstico do seu cabelo

Antes de realizar qualquer tipo de hidratação nos cabelos, é importante consultar um tricologista ou terapeuta capilar para realizar um diagnóstico dos fios. Para isso, os profissionais farão alguns exames a fim de identificar as necessidades das fibras capilares.

Dentre os problemas mais comum estão o ressecamento dos fios, excesso de oleosidade, caspa e dermatite seborreica.

Leia também Qual a diferença entre caspa e seborreia?

A partir desse diagnóstico fica mais fácil fazer uma hidratação profunda de acordo com o quadro clínico dos fios.

2- Escolha um shampoo adequada para o seu tipo de cabelo

Feito o diagnóstico, é hora de escolher um shampoo que mais se adeque aos seus cabelos, que vai variar entre anticaspa, antiresíduos, para cabelos com cachos etc. Em casos de cabelos muito oleosos, pode ser necessário o uso de shampoos com sulfato para eliminar o excesso de produtos acumulados na raiz do cabelo.

Os shampoos com sulfato também devem ser usados por quem usa cremes de pentear e finalizadores com frequência. Isso porque, se os fios não estiverem limpos de verdade, a hidratação não conseguirá penetrar nas fibras de forma adequada.

escolher o shampoo ideal para o seu tipo de cabelo é importante para limpá-lo corretamente, já que quando os fios estão sujos não conseguem receber a hidratação de forma adequada
escolher o shampoo ideal para o seu tipo de cabelo é importante para limpá-lo corretamente, já que quando os fios estão sujos não conseguem receber a hidratação de forma adequada

Lembre-se de lavar os cabelos em água morna ou fria, e nunca em água quente para evitar o aumento da oleosidade, e certifique-se de retirar todo o shampoo na hora do enxágue.

3- Retire o excesso de água dos fios

Um passo muito importante na hora da hidratação profunda é retirar toda a água excessiva dos fios após a lavagem, já que aplicar a máscara de hidratação em fios com muita água não permite que as fibras capilares absorvam o produto de forma adequada. Para isso, pressione uma toalha no couro cabeludo até que os cabelos fiquem enxutos, evitando esfregar o tecido na cabeça para não aumentar as chances do desenvolvimento de caspas.

4- Escolha uma boa máscara de hidratação

A escolha da máscara de hidratação é tão importante como saber aplicá-la de forma adequada. Afinal, cada formulação oferece um benefício diferente, e você deve sempre ficar de olho ao produto que mais atende à necessidade dos fios.

Para fazer uma hidratação profunda, você deve combinar a máscara de hidratação com uma ampola para potencializar a ação de ambos os produtos.

Porém, não exagere na combinação para que os fios não fiquem pesados e opacos. Caso o seu cabelo não esteja ressecado ou quebradiços, aplique apenas umas gotas da ampola dentro da máscara para não hidratar os cabelos mais do que o necessário.

Diferente do condicionador, que não pode ser aplicado no couro cabeludo, a máscara de hidratação pode e deve entrar em contato com todo o cabelo, incluindo a raiz, desde que seja usada apenas 1 vez por semana. No entanto, ao invés de aplicar o produto diretamente na raiz, prefira passar o pente “sujo” de máscara para que seja depositado apenas o necessário na região, de uma forma que não cause acúmulos.

O pente também pode ser útil para para retirar os nós e levar a máscara para todos os fios de cabelo. Afinal, ao pentear os cabelos ainda com o produto, o pente ajuda a espalhá-lo de uma maneira mais uniforme.

Em seguida, deixe o produto fazer efeito nos fios. Por ser de textura mais densa, as máscaras de hidratação precisam de mais tempo para agir dentro da fibra capilar, e é necessário consultar a embalagem para verificar o tempo ideal de ação da máscara, que varia de acordo com a marca e ação do produto.

Veja como aplicar a máscara de hidratação no vídeo abaixo:

5- Use uma touca de alumínio ou toalha úmida

Uma toalha úmida com água morna ou touca de alumínio daquelas que não esquentam ajudam na absorção da máscara capilar, e podem ser usadas em dias de hidratação profundas nos cabelos.

6- Enxágue bem para remover todo o produto

Na hora do enxágue, é importante certificar-se de que todo o produto foi removido dos fios e principalmente do couro cabeludo. Caso fique restos de produtos nos fios, o efeito da hidratação será o reverso do esperado, e os fios ficarão pesados e opacos.

7- Escolha um bom condicionador

Diferente do que muitos acreditam, o condicionador deve ser usado depois da máscara de hidratação para selar a ação do produto nos cabelos e fechar as cutículas dos fios.

No entanto, o condicionador não deve ser aplicado na raiz do cabelo, mesmo em cabelos ressecados.

Aplique o produto sempre 4 dedos abaixo da raiz e nas pontas, e massageie levemente por 5 minutos para ajudar na penetração do produto na fibra. Deixe agir durante 5 minutos e enxágue bem para remover todo o produto dos fios.

8- Finalize com um leave-in

Os leave-in são produtos que não precisam de enxague e foram desenvolvidos para selar e prolongar a os efeitos da hidratação profunda nos cabelos. Escolha um leave-in de textura leve para que não se acumule nas mechas e evite depositar esse tipo de produto no couro cabeludo. Caso você use algum medicamento para o tratamento de doenças capilares, é necessário conversar com seu profissional para escolherem a melhor etapa para aplicação do remédio. No entanto, de modo geral, os medicamentos tópicos são usados após a finalização da hidratação.

Viu como é fácil fazer uma hidratação profunda nos cabelos? Converse com um tricologista para decidir qual o melhor produto para fazer a hidratação dos seus fios de acordo com o seu quadro clínico, e veja a possibilidade do uso de algum medicamento caso você esteja sofrendo com dermatite seborreica ou queda de cabelo.

Deixe uma resposta

Abrir Chat
1
Precisa de Ajuda?
Se precisar pode me chamar, meu nome é tatiana e estou disponível para te explicar como nosso produto pode te ajudar com queda e crescimento capilar 😀👍