Alopecia por tração – o que é e como descobrir se você tem

Alopécia de Tração pode ocasionar grande queda dos cabelos

A queda de cabelo pode ser desencadeada por diversos fatores, incluindo desde doenças e problemas hormonais, até o acúmulo de sebo na raiz do cabelo que acaba causando caspa e enfraquecendo os fios. Quando a queda de cabelo acontece em excesso em determinadas áreas do couro cabeludo, damos o nome de alopecia, que possui diversas variações como a alopecia areata, alopecia androgenética e alopecia por tração.

Os cuidados com os cabelos vão além de apenas lavá-los com shampoo e condicionador, sendo importante também hidratá-los e evitar a exposição a altas temperaturas.

Em conjunto, deve-se evitar o uso constante de elásticos de cabelo,já que a tração feita por esses acessórios contribuindo para um aumento da perda capilar.

Para que você entenda melhor sobre o assunto, separamos tópicos importantes a respeito da alopecia por tração. Acompanhe!

O que é alopecia por tração?

A alopecia por tração é caracterizada por uma perda excessiva de fios de cabelo em decorrência da tração exercida de forma externa.

Essa tração normalmente é feita pelo uso constante de penteados repuxados, tranças, mega hair e também pelo hábito de arrancar as mechas por problemas emocionais causados pelo estresse.

a tração exercida por penteados como rabo de cavalo, por exemplo, pode acabar levando à perda capilar em determinadas áreas do corpo
a tração exercida por penteados como rabo de cavalo, por exemplo, pode acabar levando à perda capilar em determinadas áreas do corpo

Caso o problema não seja tratado a tempo, o bulbo capilar pode sofrer um dano permanente fazendo com que os folículos cicatrizem. Como resultado a área não se recupera e os fios não voltam a crescer nessa região, deixando as áreas calvas permanentemente.

Todos os penteados podem causar a alopecia por tração?

Todos os penteados que puxam o cabelo podem causar alopecia por tração se forem feitos com frequência.

Isso porque as fibras que sustentam os folículos pilosos não possuem elasticidade e acabam se rompendo.

Fazer uma trança para uma festa não vai causar alopecia mas se usar tranças por meses é bem provável que tenha um problema sério de queda capilar.

Isso quer dizer que quem trabalha com os cabelos presos ou tem o costume de prendê-los diariamente deve ficar atento a esse ponto e soltar as mechas sempre que possível para evitar problemas com a saúde da região.

Quais os sintomas de alopecia por tração?

O principal sintoma da alopecia por tração é a queda de cabelo em excesso em uma área abrangente mas específica do couro cabeludo como por exemplo as entradas… lembre-se que é diferente de pequenos buracos no couro cabeludo, sinal de uma doença conhecida como alopecia areata.

Alguns pacientes ainda notam um aumento da sensibilidade e dores de cabeça, que costumam melhorar com a redução da tração exercida sobre os fios.

a alopecia por tração normalmente causa falhas nas laterais e parte frontal do cabelo, podendo afetar também a nuca

De modo geral, as falhas causadas por esse tipo de alopecia estão localizadas nas laterais da cabelo, franja e até mesmo nuca.

Outros sintomas associados à alopecia por tração são:

  • coceira;
  • foliculite ou pústulas;
  • múltiplos cabelos quebrados;
  • múltiplos cabelos curtos;
  • vermelhidão;
  • cabelos finos.

A alopecia por tração tem cura?

O problema pode ser revertido desde que tratado nos estágios iniciais, já que ao cicatrizarem, os folículos impedem que novos fios nasçam novamente.

Dessa forma, é extremamente importante procurar ajuda de um tricologista ao notar um aumento da perda de cabelo, já que isso pode indicar o início da alopecia por tração.

Como a alopecia por tração é tratada?

O primeiro passo para o tratamento é deixar os cabelos soltos e aplicar o mínimo de tração possível nas mechas.

Em casos de mega hair, o mais indicado é que a paciente faça a remoção da extensão.

o principal passo para tratar a alopecia por tração é deixar os cabelos soltos sempre que for possível
o principal passo para tratar a alopecia por tração é deixar os cabelos soltos sempre que for possível

É recomendado o uso de vitaminas para garantir os nutrientes necessários para recuperação capilar, principalmente de biotina e antioxidantes como vitamina C e Q10.

Quando o quadro já está mais avançado, pode ser necessário medicamentos orais e dermocosméticos para ajudar na recuperação dos cabelos e evitar a irreversibilidade do quadro.

Quais as causas da alopecia por tração

A alopecia de tração não é considerada uma doenças sistêmica, tendo como principal causa o tracionamento intenso dos fios.

Ou seja, quando o cabelo é submetido a um longo período de tempo a uma grande tensão, ocasiona danos irreversíveis no couro cabeludo e como consequência a calvice.

Penteados e mega hair

Alguns hábitos diários relativos aos cabelos podem contribuir para o desenvolvimento da doença, como é o caso de usos diários de rabos de cavalo muito apertados ou outro tipo de penteado que repuxam os fios do couro cabeludo como dreads e tranças de boxeadora, por exemplo.

O uso de extensões capilares também pode acabar desencadeando o problema, principalmente os tipos de apliques que envolvem nós. 

Profissões

As bailarinas e outras dançarinas profissionais que usam penteados apertados também podem sofrer com a alopecia de tração.

Contudo, existem diversas outras profissões que também são fatores de risco para a doença como:

  • atletas profissionais que prendem os cabelos na hora da performance;
  • atriz e cantoras que usam penteados apertados com frequência;
  • cozinheiras que precisam deixar os cabelos presos para evitar contaminação;

Então se você tem alguma dessas profissões dobre os cuidados com seu cabelo e tente achar alternativas para manter suas mexas saudáveis.

Perfil

A doença costuma ser mais comum em mulheres negras, já que os fios afrodescendentes são mais finos em comparação com os asiáticos e europeus.

Com isso, a tendência é que os cabelos crespos sejam mais frágeis e propensos à queda, causando uma alopecia de tração com mais facilidade quando comparado a outros tipos de cabelo.

Alguns penteados afro também podem aumentar a taxa de alopecia por tração
Alguns penteados afro também podem aumentar a taxa de alopecia por tração

Em conjunto, por ter o formato mais compacto e enrolado, pequenos atos do dia a dia como pentear e prender os fios costuma causar mais tração às raízes do que o normal, o que acaba danificando o couro cabeludo e os folículos ainda mais.

Embora seja mais frequente em mulheres, a doença também pode atingir os perfis masculinos, principalmente os que usam dreads e coques samurai com frequência. 

Idade

Poder ocorrer em qualquer idade, mas algo que esquecemos é que a alopecia de tração também afeta crianças e adolescentes, já que nessa fase é mais comum o uso de acessórios nos cabelos.

por usarem penteados com mais frequência, as crianças estão mais propensas a desenvolverem o problema
por usarem penteados com mais frequência, as crianças estão mais propensas a desenvolverem o problema

Depois de ver o que é alopecia por tração e como evitar a doença, faça algumas mudanças nos seus hábitos capilares e evite prender os cabelos sempre que for possível.

Caso você trabalhe em uma profissão que exija que seus cabelos fiquem sempre presos ou já esteja sentindo os sintomas da queda, sempre consulte um médico capacitado, normalmente um dermatologista ou tricologista para discutir o que pode ser feito para evitar o problema.

Deixe uma resposta

Abrir Chat
1
Precisa de Ajuda?
Se precisar pode me chamar, meu nome é tatiana e estou disponível para te explicar como nosso produto pode te ajudar com queda e crescimento capilar 😀👍